sábado, 28 de setembro de 2013

A Outra Vida, de Susanne Winnaker

A Outra VidaAutora: Susanne Winnacker
Título original: The Other Life
Editora: Novo Conceito
É bom?: 
★★★★
Páginas: 272
Sinopse: 
O mundo de Sherry — de uma hora para outra — mudou completamente. Por causa de um vírus muito contagioso, as pessoas que ela costumava conhecer, e quase todas as pessoas de sua cidade, Los Angeles, na Califórnia, se transformaram em mutantes assustadores. Esses mutantes têm uma força excessiva, são ágeis, o corpo é coberto de pelos, eles lacrimejam um líquido imundo e… comem gente! Portanto, não há muito o que fazer — talvez tentar fugir — quando se encontra algum deles. A não ser que você tenha ao seu lado a força e a determinação de um jovem como Joshua. Joshua perdeu uma irmã para os mutantes e sua raiva é tão grande que ele seria capaz de vingar todos aqueles que perderam alguém para as criaturas. No entanto, para que esta revanche aconteça, é preciso prudência. Afinal, até que ponto a disseminação deste vírus foi uma coisa realmente natural? Que poderosos interesses estão por trás desta devastação? E será que Joshua e Sherry conseguirão ter a cautela necessária para lutar contra as criaturas justo agora que seus corações estão agitados pelo começo de uma paixão?


Eu sei que o mercado do entretenimento está saturado de histórias pós-apocalípticas e de distopias, mas quando vi que o lançamento de A Outra Vida se aproximava, eu quis muito ler o livro e ver se era apenas mais do mesmo ou merecia um lugar de destaque.

A Outra Vida conta a história de Sherry, uma menina de 15 anos que passou um quarto da vida dentro de um porão, com a família, um gerador de energia e um estoque de comida que deveria supostamente durar quatro anos. Depois que uma doença horrível começou a se alastrar, os moradores de Los Angeles e do resto do mundo tiveram que se esconder debaixo da terra até que o governo controlasse a epidemia. O que deveria ser um curto período de semanas se tornou meses de espera. E depois anos. 


Sherry e sua família estão desesperados. O avô dela morreu e eles guardaram o corpo no freezer. Eles estão sem comida e não sabem o que fazer. Eis que surge a grande e única ideia a ser executada: sair para buscar comida. Mas se, em quatro anos, ninguém do governo voltou para avisar que era seguro sair, será que sair é uma boa ideia?

Não há escolha, então Sherry e seu pai vão à superfície em busca de alimento. No entanto, ela não sabia bem o que esperar, e tem uma grande surpresa. Los Angeles estão deserta. Não há nenhuma alma viva. Tudo parece ter sido abandonado às pressas, como se algo como uma abdução tivesse acontecido e todos sumiram no meio de um momento. 

Tentando ignorar a estranheza ao redor, Sherry e seu pai vão procurar comida quando encontrar um ser vivo! Mas ele não parece muito amigável e parece doido para provar um pedaço do braço deles. Sem entender a situação, Sherry foge, mas seu pai é pego pelas criaturas. É então que Sherry é salva por Joshua, um garoto que estava por acaso passando (tá, ele não estava ali por acaso. Ele tinha uma missão. Ela estava ali por acaso). Josh parece gentil e acolhedor, além de representar o fato de que há gente viva além de Sherry e sua família na face da terra. Mas Sherry não consegue esquecer o fato de que seu pai foi sequestrado por monstros feios e comedores de gente.

Um dos pontos que mais me fez gostar de A Outra Vida é que Sherry ama a família mais que tudo. Acho legal quando o autor esquece do par romântico do protagonista e foca no amor de família. Além do amor pelo pai, pela mãe, pelos irmão e pela avó, Sherry tem outros sentimentos que a autora soube passar, como raiva, medo, insegurança e, tá, a atração inevitável por Joshua.

O que não gostei no livro foi que tudo me pareceu muito corrido e forçado. Tudo acontece rápido demais, desde o romance, o sequestro, a adaptação à nova vida, tudo é muito rápido. Parece que Sherry saiu do abrigo há dois anos, não dois dias. E parece que conhece Josh há duas décadas. Também achei super nada a ver algumas coisas no final. Mas, fora isso, o livro é até que é divertido. 


Parece que vai ter continuação, e eu sinceramente não pretendo ler. Mas quem sabe não há um crescimento da Susanne Winnacker como autora? Se alguém ler, me conte!



   
Saga Weepers:
1 - A Outra Vida (The Other Life)
2 - The Life Beyond (ainda não publicado no Brasil)

Outros livros da autora:
1 - Impostor (será publicado pela Novo Conceito em 2014)

quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Olho por Olho, de Jenny Han e Siobhan Vivian

Olho por OlhoAutoras: Jenny Han e Siobhan Vivian
Título original: Burn for Burn
Editora: Novo Conceito
É bom?: ★★★★★
Páginas: 320
Sinopse: 
Alguma vez você já quis realmente se vingar de alguém que a ofendeu? Talvez uma ex-amiga que a apunhalou pelas costas, ou um namorado traidor, ou um estúpido da escola que a humilhou desde que você era pequena… Alguma vez você já sonhou em envergonhá-lo na frente de todos? E, então, alguma vez você se uniu com outras duas pessoas para criar um elaborado esquema de destruição e revanche? A maior parte de nós não pode dizer que sim a todas essas perguntas (felizmente). Mas, certamente, todos nós somos capazes de nos identificar com muitos dos sentimentos de Kat, Lillia e Mary em Olho por Olho… No entanto, de um exercício de malícia, de uma simples brincadeira adolescente, o jogo do “aqui se faz, aqui se paga” poderá assumir proporções trágicas, em que até mesmo as leis da natureza vão se dispor, misteriosamente, a acalmar os corações ofendidos. Deixe-se levar por uma genuína história sobre o certo e o errado, o justo e o injustificável e procure entender — se possível — os verdadeiros motivos que transformaram estas três meninas. Dramático, honesto e fascinante, este é um livro que ultrapassa todas as expectativas!


A Editora Novo Conceito colocou um bom marketing em cima desse livro, e eu comecei a achar que ele era X, mas na verdade ele é W, Y e Z.

Tudo começa na Ilha Jar, onde não moram muitas pessoas, e só há uma escola para o ensino médio. Lillia é uma garota oriental que faz parte do grupo dos populares. Ela é bonita, se veste bem, tem amigas e paqueras. No entanto, em maio ao glamour que a popularidade trás, Lillia tem um segredo sombrio a esconder.

Kat costumava ser melhor amiga de Lillia, mas as coisas mudaram. Hoje em dia a garota de cabelos castanhos passa a maior parte do dia com os irmãos ou amigos deles, fumando maconha e tendo algum tipo de diversão barata na ilha ou nas viagens que faz ao continente. No último verão Kat teve um caso com Alex, um dos rapazes do grupo de Lillia, e parecia estar se apaixonando por ele, a pesar de negar tudo.

Mary é a garota de cabelos loiros. Ela costumava morar em Jar mas, devido a alguns acontecimentos envolvendo um dos hoje amigos de Lillian, Mary teve que se mudar. Mas, depois de tantos anos vivendo no continente, ela decide voltar.

A única coisa que essas três garotas tem em comum é o fato de que alguém na Ilha tem pisado/pisou nelas em algum momento da vida. E, cansadas de serem maltratadas, elas armam um plano de vingança.

Bom, eu gostei do livro. A narração das garotas é interessante, mas a personagem de qual mais gostei. Mary, narra muito pouco a história. Os capítulos são intercalados e achei chato a Mary ter sido ignorada a maior parte da história. Sinceramente, ela é a única que realmente merecia se vingar, a única com uma personalidade louvável e uma personagem realmente interessante. Não gostei muito da Kat e da Lillia, para ser sincera.

E, vale ressaltar, as vinganças não são nada demais. Se parecem mais com brincadeiras infantis e pegadinhas do que com uma vingança séria. Mas eu achei algumas vinganças engraçadas e vou procurar me lembrar delas se precisar um dia, hehe ><

Balanço final: gostei do livro, tem uma trama interessante e - alguns - personagens realmente bons. Mas espero que o segundo livro seja melhor e tenha mais Mary! Eu gostei da capa e, mesmo sendo capa com pessoas, as garotas realmente parecem com as personagens do livro!



image 

Série composta por três livros:
1) Olho por Olho (Burn for Burn)
2) Dente por Dente (Fire with Fire) - lançamento em novembro de 2013
3) Ashes to Ashes - ainda sem capa.

E então, tem vontade de ler? Já leu? O que achou do livro?
Beijos e até o próximo post!

sábado, 14 de setembro de 2013

La Caixita #25


Gente, faz mais de um mês que não temos La Caixita! Tem noção de como isso é ótimo? Não? Nem eu. Tá, na verdade, isso é proposital, por que eu simplesmente precisava diminuir o número de livros recebidos, por que não estava dando conta de ler tudo. Quando comecei o desafio de 0 livros para ler, mês passado, eu tinha 58 livros para ler. Agora tenho 46. Sim, eu tenho evoluído muito! Vamos ao que chegou (pouca coisa, que orgulho <3)!


Chegaram as cortesias da Novo Conceito. Estou solicitando menos livros também, então foram apenas três: A Outra Vida, Olho por Olho e Tipo Destino. Já li os três (YAY!) e em breve terá resenha *O*


Fiz um troca no skoob super bem sucedida! Eu tinha dois exemplares de Cidade dos Ossos e finalmente me livrei do que estava sobrando! Consegui, em troca, Jonathan Strange & Mr. Norrell. Estou muito feliz, o livro é enorme e parece ser ótimo <3
(Ah, não sei se vocês repararam, mas eu estou apaixonada pelo boneco de vodu da NC. Dei o nome de Karkat para ele por causa de Homestuck).


Comprei cidades de papel. Agora minha coleção de livros do John Green está quase completa, só falta Will & Will. Não tirei foto do livro separado, então vai ele com todas as lindezas escritas por Sir João Verde.


Cinco livros apenas, e estou muito feliz com isso. Já li os três na Novo Conceito, estou lendo Cidades de Papel e provavelmente só lerei Jonathan Strange & Mr. Norrell quando a lista diminuir por que SÉRIO, ELE É MUITO GRANDE.

Foi isso que chegou para mim nesse meio-tempo. Espero estar com apenas uns 25 livros para ler até o fim do ano. Me desejem sorte!