sábado, 27 de julho de 2013

La Caixita #24


OLÁÁÁÁ PESSOAS! õ/
Hoje a La Caixita está bem desabitada e, por mais estranho que possa parecer, me sinto feliz por isso. Meu balanço diz que tenho 58 livro para ler e isso é desanimador. Estou tentando comprar/pedir para as editoras menos livros e ler mais livros por mês do que recebo. A questão é que esta La Caixita ia ter apenas dois livros, que recebi da Editora Novo Conceito, mas eu ganhei um livro numa promoção pela primeira vez na vida! õ/
Vamos ver o que chegou?


★ No Limite da Atração - Katie McGarry (skoob)
Acho que é um dos poucos livros New Adult que eu tenho. Para ser sincera, eu jamais compraria este livro por que ele tem a capa estranha. Não gosto de pessoas na capa, e pelo que li do livro (até a página 40, só por curiosidade) os modelos na capa não se aparecem com a Echo e o Noah, os protagonistas. Não na minha cabeça. Mas o livro em si é lindo, muito bem acabado. É vermelho por dentro, cada capítulo é narrado por um personagem, ora o Noah e ora a Echo, e a diagramação é muito fofa. Lerei o livro logo pois parece ser bem legal. Ganhei do blog Estante Vertical.

★ Refém da Obsessão - Alma Katsu (skoob)
ESSE LIVRO! Estou louca por ele desde que li a última linha de Ladrão de Almas. Eu me apaixonei pela temática sobrenatural, o jeito misterioso e sensual do livro. Não, ele não é um livro erótico, a pesar do nome e do que você pode ler pela sinopse. Mas estou doida pra ler, é minha próxima leitura!

Observem a lindeza desses livros *O*
★ A menina que semeava - Lou Aronica (skoob)
Pra quem não sabe, Lou Aronica é o nome real do autor de Um Ano Inesquecível, também lançado pela Editora Novo Conceito. A menina que semeava tem a capa linda, espero poder ler logo. É mais um livro do gênero sick-lit e parece ser maravilhoso! O kit dele veio com uma essência que para mim tem cheiro de banana com canela e qualquer argumento contrário é inválido. Eu esqueci de tirar foto do kit :c

Esses foram os livros que recebi no mês de julho. Me sinto particularmente orgulhosa disso. Li sete livros e só recebi três. Quatro livros de vantagem, e espero conseguir aumentar esse número cada vez mais. Rumo aos zero livros para ler! õ/

Beijos! 

sábado, 20 de julho de 2013

Feliz dia do amigo! õ/


Olá negada, tudo em cima?
Como todos sabem (ou não) hoje é dia do AMEEGOH! Já cumprimentaram seus livros hoje? Haha XD
Brincadeira gente, deem feliz dia do amigo para seus melhores amigos! Aquela gente chata que você tem vergonha de assumir. Bom, todos esses são meus amigos, mas não espalhem: tudo gente doida!


Fileira de cima: Gislene, Fernanda, Haiana e eu. Fileira de baixo: Ray, Miguel e Gabriela.
Gabriela, Ray. Miguel, Matheus (Polenta), Wesley (Kassab), Eu e Fernanda.
Da esquerda: Preguiça, preguiça, preguiça e preguiça de listar (tem gente que nem conheço nessa foto :p)
Foto um: Miguel, Gislene, eu e Fernanda
Foto dois: Gislene, Polenta, Catarina, Wesley, Eu, Gabriela, Fernanda e Miguel.
Foto três: Gabriela, Polenta, Kassab, Eu, Adriano, Fernanda, Catarina, Haiana e Gislene (o cabelo).
Gente demais, tudo doido.
Foto um: Eu e Ray (brigando), Kassab, Gislene, Catarina e Miguel.
Foto dois: Eu, Gislene e Catarina.
Foto três: Eu e Fernanda.
Foto um: Haina (Watson) e Eu (Sherlock).
Foto dois: Kassab, Miguel, Eu, Gabriela, Adriano, Haiana, Fernanda, Gislene, Catarina, Polenta e Ray.
Foto três: Haiana, Catarina, Gislene, Eu, Fernanda, Polenta, Ray, Adriano e Miguel.
Foto três: Catarina, Eu e Gislene.
Eu e Vitinho (sim, ele é homem).

Meus melhores amigos <3
E aí pessoas, quem são seus melhores amigos?

quarta-feira, 10 de julho de 2013

Sombras, de Jessica Verday

SombrasAutora: Jessica Verday
Título original: The Hollow
Editora: Rocco
É bom?: ★★
Páginas: 480
Sinopse: 
Mesmo depois que Kristen desaparece sem deixar vestígios, Abbey, sua melhor amiga, continua a frequentar o lugar favorito das duas: o cemitério de Sleepy Hollow, onde está enterrado o autor da clássica Lenda do Cavaleiro Sem Cabeça. É lá que conhece Caspian, um rapaz misterioso, cuja relação com a lenda é muito mais íntima do que ela jamais poderia imaginar.








Sombras foi uma surpresa. Eu já tinha ouvido falar vagamente sobre o livro em inglês (The Hollow, no original), mas sequer sabia do que se tratava. Mas então, num belo dia visitando a Submarino, ele estava custando DEZ REAIS. Lembrando que ele é da Rocco. Tive que comprar.

Ele foi mesmo uma surpresa. Num mercado cheio de livros paranormais, o tema de Sombras já está batido: amor adolescente com um toque sobrenatural. Confesso que não conheço muitos livros de fantasmas (só a série A Mediadora e... você conhece alguma?), mas essa coisa de garota-se-apaixona-por-garoto-e-o-amor-deles-é-impossível já está mais que batido.



Sombras é diferente.

Conta a história de Abbey, uma garota cheia de sonhos cuja melhor amiga desapareceu recentemente. Acreditam que ela caiu no rio que corta a pequena cidade em que vivem, Sleepy Hollow (que existe de verdade! Conheça clicando aqui.) e a correnteza a levou. Depois de tanto tempo desaparecida, os pais da garota desaparecida, Kristen, decidem por um ponto final na história e fazer um enterro, mesmo sem o corpo.

Abbey, indignada com isso, recusa-se a acreditar que Kristen até morta. Ela prefere acreditar que a amiga fugiu ou que foi sequestrada. Ela só quer que Kristen volte.

A arte de início dos capítulos =D
Tenho muito a dizer sobre este livro. Eu achei ele inteiro divertido, a leitura fluiu bem e eu li ele super rápido (três dias para quase 500 páginas é rápido sim). Mas, até a página 400, nada INCRIVELMENTE INCRÍVEL acontece. Não que as primeiras 400 páginas fossem desnecessárias, longe disso. Nessas páginas Abbey fala da dor de perder sua melhor amiga, do novo amor que conhece, fala sobre seus sentimentos, sua impressão sobre o mundo, o que quer fazer quando se formar na escola, etc. Acho a Abbey muito bem ambientada como adolescente, tendo preocupações bem sérias e que eu também tenho quanto à vida adulta (afinal, estou quase lá). Além de que o começo do livro é cercado de mistérios. Por mais que Abbey não veja nada de estranho à sua volta, eu me perguntava muitas coisas sobre os personagens que iam surgindo na trama, como o doce Caspian e os simpáticos Nikolas e Katy.


O mistério do livro era de dar nos nervos, por que você QUERIA MAIS QUE TUDO saber o que está realmente acontecendo e a Abbey se focava em outras coisas. Mas depois da página 400, quando as revelações começaram, meu coração não parava de bater forte, senti até calafrios na página 456 (se não leu o livro ainda, não procure a página 456), por que não esperava por isso de verdade. 


Resumindo, o livro tem seus defeitos. Não é a melhor história do mundo. Mas eu gostei, do fundo do coração. Achei a protagonista carismática, coerente e, acima de tudo, madura. 

A trilogia é formada pelos livros:


Sombras Essências Enigmas

1 - Sombras (skoob)
2 - Essências (skoob)
3 - Enigmas (skoob)

Espero que tenham gostado desse post :)
Beijos!

sábado, 6 de julho de 2013

Matuanto #4


Olá potterheads (ou não), como vão? Se você é potterhead, provavelmente vai amar o post a seguir. Se não, espero que vire um depois dele =D
Enfim, recentemente decidi criar uma conta no site Pottermore, mais precisamente, no mesmo dia em que comprei meus livros da saga *O* (você pode conferir meu chilique nesse post).
Se você não conhece o site, está mais do que na hora! Para ser sincera eu não sabia ao certo do que se tratava o site antes de entrar e achava que eram joguinhos envolvendo o tema Harry Potter, mas é muito mais!! 


O site tem uma leitura dinâmica dos capítulos dos livros. Por exemplo: abra seu livro de Harry Potter e a Pedra Filosofal no capítulo um: O menino que sobreviveu. Abriu? Que feio, eu mandei abrir. Enfim. Imagine o começo da história: Sr. Dursley indo para o trabalho, sentindo orgulho do filho pestinha, Duda, pensando no cunhado que despreza e vendo pessoas idosas usando roupas estranhas e, mais tarde, recebendo uma bebê na porta de casa. Agora imagine essa mesma cena no Pottermore, com ilustração lindas, dinâmicas (você pode recolher ítens, galeões, interagir com objetos, animais e personagens, além de que tudo o que você faz reflete no seu futuro no jogo) e o som é em 3D! Se você não sabe o que é ou nunca ouviu um som 3D, pegue seu fone de ouvido e veja este vídeo (é um experiência única!).

Minha coleção <3
E, é claro, temos a parte mais mágica e mais cruel de todas: o capítulo do chapéu seletor. Se engana quem pensa que pode escolher sua casa: um teste é feito e, se você cair da casa X, você é da casa X para o resto do jogo (tipo na vida real, e SIM, HARRY POTTER É REAL OKAY).
E o fato é que eu sempre, desde que vi o primeiro filme até terminar de ler a última página de Harry Potter e as Relíquias da Morte, eu SOUBE, simplesmente soube, que fazia parte da Sonserina. Não por que sou dumal, ou por que sou cruel e nem por que acho o Draco bonito (a pesar de que tem isso também). E, quando eu descobri que tinha que responder perguntas super enigmáticas (você prefere o nascer ou o pôr-do-sol?), fiquei com o coração na mão. E se eu for da Grifinória? Nunca me senti o suficiente leal ou corajosa para isso. E Corvinal? Sempre fui inteligente, mas não acho que seja minha característica mais marcante. Lufa-lufa? Não acho que seja altruísta o bastante.
Eu sou ambiciosa.
Eu quero ser grande. 
E EU CAÍ NA SONSERINA!!

Photobucket

Sim, crianças, os sonhos se realizam! *-------*
Enfim, eu adorei minha experiência no Pottermore! Estou quase no fim do livro A Câmara Secreta e as cenas, os áudios, os jogos e as interações são maravilhosas. Me diverti muito jogando gnomos de jardim para longe, preparando poções (é muito difícil!) e brincando pelos corredores de Hogwarts. Recomendo o site para todo mundo õ/
E você, já usou o Pottermore? Se sim ou não, me conte de qual casa é/qual gosta! Qual seu livro favorito da série? Harry Potter mudou sua vida de alguma maneira? Se não, algum livro já fez isso por você?
Beijos e espero que tenham curtido o post =D

"Eu nem ao mesmo sei que tipo de pessoa eu era
 antes de Harry Potter" - Evana Lynch (Luna Lovegood)