terça-feira, 31 de julho de 2012

Desejados #2




Oi galera!
Trago hoje a sinopse de quatro livros que COM CERTEZA serão minhas próximas compras.

Clube da LutaConsiderado um clássico moderno desde sua publicação em 1996, o livro Clube da Luta consagrou Chuck Palahniuk como um dos mais importantes e criativos autores contemporâneos, além do próprio livro como um cânone da cultura pop. O livro que estava esgotado há anos volta às livrarias nessa caprichada edição. O clube da luta é idealizado por Tyler Durden, que acha que encontrou uma maneira de viver fora dos limites da sociedade e das regras sem sentido. Mas o que está por vir de sua mente pode piorar muito daqui para frente. O livro foi filmado em 1999, Por David Fincher (Os Homens Que Não Amavam as Mulheres, A Rede Social), que possui duas nomeações ao Oscar, que conseguiu adaptar toda atmosfera do livro, o mundo caótico do personagem e o humor negro de Palahniuk em uma trama recebida com inúmeros elogios pela crítica e pelo público que conta com os atores Brad Pitt, Edward Norton e Helena Bonham Carter.

O filme já saiu e muitos amigos meus que assistiram disseram ser uma história incrível. Esse não é o único livro de Palahniuk que desejo ler, é claro. Muita gente deve ter ouvido falar de Assombro, também, que dizem ser um ótimo livro. E também de outro livro com uma mulher de biquíni na capa que PC Siqueira divulgou em um dos seus vídeos dizendo ser um dos seus livros prediletos. Tenho certeza que não vou me decepcionar com este livro.

Dezessete Luas




Juntos, Ethan e Lena podem enfrentar qualquer ataque de Gatlin. Ao menos era assim que funcionava antes de Lena sofrer uma perda trágica e começar a se afastar e gaurdar segredos que estão testando o relacionamento. E agora que Ethan abriu os olhos para o lado negro de Gatlin, não há como voltar atrás. Assombrado por estranhas visões que somente ele consegue ver, Ethan vai sendo puxado cada vez mais para dentro da história confusa de sua cidade.






Continuação de Dezesseis Luas, que eu já li e AMEI. Juro, vocês não vão se decepcionar com este livro! Agora que já li o primeiro da série, pretendo comprar logo o segundo, aproveitando que está com um preço bom na submarino.

GênesisNa ocasião em que a Terra foi arrasada pela Peste, os sobreviventes reuniram-se em uma nova sociedade. Separados do mundo exterior por uma cerca em pleno oceano, vivem em absoluto isolamento – aviões que se aproximam são abatidos; refugiados, executados. Até que um soldado escolhe romper com as regras e, em vez de disparar, resgata das águas uma menina. Seu nome é Adam Forde. Ele muda para sempre o curso da História.

Anaximandra, uma jovem de 14 anos, estudou a fundo esses dados históricos. Numa sala com pouca luz ela está sentada diante de três Examinadores para uma exaustiva prova de quatro horas. Adam Forde, seu herói, morto há bastante tempo, é o tema do exame. Se aprovada, ela será admitida na Academia – a instituição de elite que governa aquela sociedade utópica. Anax, porém, está prestes a descobrir que nem tudo consta dos registros acadêmicos. Há fatos, imagens, arquivos a que nem todos têm acesso. Antes que a avaliação termine, virão à tona o obscuro segredo da Academia e a realidade assustadora daquele admirável mundo novo.

Todo mundo que já leu diz que este livro é um dos melhores de suas vidas. E todos também dizem que o final é simplesmente de cair o queixo. Pretendo comprar logo e ter essa capa linda na minha estante! *---*

O Inimigo



Quem tinha mais de 16 anos foi tomado por uma doença. Os que não tiveram a sorte de morrer vagam pelas ruas atrás de crianças para matar. As crianças se organizaram para fazer expedições de busca por suprimentos nas redondezas, mas achar comida é cada vez mais difícil e perigoso. Uma promessa de comida e abrigo no Palácio de Buckingham é uma possibilidade, mas para isso será necessário atravessar a cidade. Será que elas chegarão lá vivas?







Depois que terminei de ler Gone (resenha aqui) me senti um pouco solitária em relação a livros apocalípticos. Acho que o enredo de O Inimigo é parecido com o livro de Michael Grant. Além de que a capa é bem legal! Irei comprar este livro logo em breve =D

É isso, galera! Espero que tenham se interessado pelos livros assim como eu!

Boas leituras nesse meio de semana =D

Beijos,
N!

quarta-feira, 25 de julho de 2012

[RESENHA] Gone, de Michael Grant


 
Título: Gone - O Mundo Termina Aqui
Autor: Michael Grant
Editora: Galera Record
Ano: 2010

Páginas: 518
Sinopse: Em um piscar de olhos, todos com mais de 14 anos desaparecem. Restam adolescentes. Pré-adolescentes. Crianças. Nenhum adulto. Nenhum professor, policial, médico ou responsável. Linhas de telefone, redes de televisão e a internet param de funcionar. Não há como pedir ajuda. A fome é intimidante e a violência começa. Os animais parecem estar se transformando, e uma criatura sinistra está à espreita. Os próprios adolescentes estão ficando diferentes, desenvolvendo novos talentos: poderes inimagináveis, perigosos e mortais, que crescem dia após dia. É um mundo novo e assustador. É preciso escolher um lado — e a guerra é inevitável. 

Não tenho certeza de Gone pode ser classificado como um livro juvenil. A princípio, pode-se dizer que ele é um livro juvenil comum, com personagens adolescentes e uma trama sobrenatural. Mas, em Gone, o buraco é mais embaixo. 

No meio da aula que Sam está fingindo que assiste, o professor desaparece. Não sai correndo ou é abduzido por alienígenas: ele some no ar. Num momento estava lá e, no momento seguinte, não estava mais. O professor pufou, como ficaria mais popular dizer posteriormente.

A partir desse momento, todas as crianças entram em pânico. Afinal, todas as pessoas com mais de 15 anos desapareceram. E agora uma cambada de adolescentes de 14 anos é responsável por tudo. Inclusive por bebês e crianças pequenas. 

É claro que todo esse clima catastrófico e de desespero já era o bastante para um bom livro juvenil de ficção científica, mas o autor decidiu incrementar sua história com poderes misteriosos surgindo em algumas pessoas. E, com o poder, surgem grandes responsabilidades. Responsabilidades essas que adolescentes e crianças não conseguem arcar com, instalando uma atmosfera de caos e medo. E violência. E sangue.

Como se não bastasse o grande colapso na pequena cidade de Praia Perdida, os adolescentes descobrem que o problema é só na cidade deles. Mas, é claro, se o problema é só por lá, por que não visitar uma cidade vizinha onde há adultos e pedir ajuda? 
Eles estão presos. Sim, há uma espécie de bolha envolvendo a cidade em qualquer direção que você tente escapar. E é impossível atravessá-la, é impossível destruí-la. E é impossível viver dentro dela.

Durante todo o livro você fica se perguntando o que diabos aconteceu para que todos os adultos desaparecessem no ar, as crianças desenvolvessem poderes estranhos e ficarem presos numa estranha bolha. No final recebemos uma resposta genérica que, acredito eu, será mais desenvolvida na continuação da história. Mas, desde o início, podemos adivinhar uma coisa: todo esse caos tem alguma relação com a usina nuclear da cidade.

A narrativa do autor me agradou muito. É em terceira pessoa, mas não de um jeito com o qual estou familiarizada. Não só nas falas dos adolescentes, mas na narração há presença de gírias (nada muito exagerado) e de expressões comparativas levemente diferentes das que você está acostumado a ver por aí. Os capítulos são de bom tamanho, nem longos demais e nem demasiado curtos, e contém sempre uma contagem regressiva.

As perguntas durante a leitura são muitas: O que diabos é o LGAR (sigla para Lugar da Galera da Área Radioativa)? De onde vieram esses poderes? O que a usina nuclear tem a ver com tudo isso? E, a mais macabra de todas as perguntas, o que acontece quando completamos 15 anos de vida?

Numa cidade em colapso, onde as crianças tem que aprender a sobreviver sozinhas, conseguir alimento, segurança e se manterem saudáveis até o fatídico dia de completarem quinze anos, a história de Gone tem um bom desenrolar. Sem contar as ótimas personagens que o autor criou. 

Sam Temple (conhecido como Sam do Ônibus Escolar) é o herói do livro. Antes mesmo do surgimento do LGAR e do desaparecimento dos adultos, ele já escondia o poder mágico de criar luzes com as mãos. Além do que, no começo da história, ele encontra uma espécie de diário no computador da mãe, com uma linguagem criptografada que Sam não consegue desvendar nem mesmo com a ajuda de Astrid, também conhecida como Atrid Gênio, uma garota de quatorze anos que tem um cérebro avançado demais para a pouca idade. Astrid é a típica garota em apuros, assim como Sam é o típico herói, mas eu gostei de ambos os personagens, mais pelo fato de eles terem coragem e uma forte amizade entre si. 

Astrid tem um irmãos mais novo, o Pequeno Pete. Petey é autista e não escuta nem obedece ninguém, mesmo não passando de uma criança. A pesar disso, ele é poderosíssimo, podendo usar teletransporte para grandes distâncias quando quiser. É um dos meus personagens favoritos.

Mas, é claro, há também os vilões. Caine e sua gangue decidiram sair da Academia Coates, uma escola para adolescentes violentos e problemáticos, onde a mãe de Sam trabalhava como enfermeira. Assim como Sam, Caine tem poderes. Mas ele não exitará em usar seus dons para o mal.

O livro trás grandes revelações e tem vários pontos críticos durante a história, te fazendo grudar nas páginas e não largar mais. Ao mesmo tempo que a violência te choca, há elementos que te fascinam. Juro que esse livro daria um ótimo filme.

Recomendo para todos aqueles que adoram histórias sobrenaturais e misteriosas. Mas não venham com sede ao pote, pensando que a história trará respostas rapidamente. A leitura deste livro requer paciência, e não só por que ele tem mais de quinhentas páginas. Gone é uma série para se colecionar.

segunda-feira, 16 de julho de 2012

La Caixita #11


Oi galera! õ/
Mudei meu banner da coluna La Caixita, acho que este novo ficou bem melhor. Usei a mesma imagem (a Dalian de Dantalian no Shoka - A Biblioteca Mistica de Dantalian). Vou mostrar os livros que chegaram nesse mês!


Este livro chegou através de um solicitação que fiz para a Editora Novo Conceito. O livro O Céu Está em Todo Lugar já foi lido e logo haverá resenha dele (eba!). Vieram dois kits, então aguardem pelo sorteio =D


Chegou também o kit de Belle, com um porta perfume. O livro é LINDO!


O kit de Um Lugar Para Ficar veio com um pingente de celular. Infelizmente, não tem como colocar pingente no meu celular D= 
Mesmo assim estou guardando o pingente com carinho ><


Bem Mais Perto veio com um bloco com folhas especiais para fazer origami. Confesso que sou péssima nessa arte, mas meu irmão sabe fazer de TUDO com papel, então um dia mostro algumas obras de arte dele =D


Chegou também o kit de Starters. O livro é muito bom (em breve resenha). Veio com um card-light fofíssimo *---*


Dezesseis Luas foi fruto da troca que realizei com a Val pelo skoob. Já troquei com ela antes, tendo recebido O Símbolo Perdido.


Comprei o terceiro volume de Deadman Wonderland que saiu no Brasil! Pra quem não conhece nem  o mangá nem o anime, vale a pena conferir!  A história trata de drama psicológico, lutas sangrentas, tragédias familiares e, é claro, amizade! O que é um mangá/anime sem a força da amizade?


Os três primeiros volumes =D


Os livros reunidos =D


Quando eu estava passando as fotos pro computador, o livro Feche bem os Olhos, do John Verdon, chegou! O livro veio em parecia com a Editora Arqueiro e é a coisa mais linda de todas!
Pra quem ainda não conhece o autor, Joh Verdon, vale a pena conferir Eu sei o que você está pensando, seu primeiro livro. Resenha aqui.

É isso galera! 
Beijos e até a próxima!

domingo, 8 de julho de 2012

Desejados #1



Oi galera!
Essa semana será regada a resenhas, então vou postar um meme que criei. Não é extamente original, mas eu quis criar meu banner. Esse personagem é o Furuya Chihiro de Sankarea. Assistam o anime, é super legal e fala de zumbis!


Vou mostrar aqui três livros que eu quero MUITO ler!

Desejos dos Mortos


Enquanto tenta manter seu segredo, Violet, involuntariamente, torna-se objeto de uma perigosa obsessão. Seu primeiro impulso, como sempre, seria pedir ajuda ao melhor amigo, Jay – porém, agora que os dois são um casal, as coisas não funciona mais assim. Ele passa cada vez mais tempo com um novo colega, Mike, e Violet tem oportunidade de sobra para pensar e repensar sobre o que, afinal, está fazendo seu namoro dar errado. É então que ela se dedica a investigar a vida do récem-chegado Mike, e diante da trágica história familiar do garoto Violet se depara com uma verdade capaz de colocar todos eles em extremo perigo.



Eu li Ecos da Morte (resenha aqui) no começo do ano. Achei a ideia bem original, mas não cumpriu o que prometeu: um suspense. Mas eu gostei de história, é gostosa e divertida, com bons personagens. Pretendo ler Desejos dos Mortos em breve!

O Juramento de Dragon


O misterioso passado de Dragon é revelado neste primeiro livro de uma nova série das premiadas autoras best-seller do New York Times e do USA Today. Nos primeiros anos do século XX, bem antes de se tornar professor na Morada da Noite de Tulsa, Bryan Lankford é um adolescente humano cheio de si, seguro de que pode sair bem de qualquer situação… Até que seu pai, cansado do filho problemático, decide expulsá-lo para a América. Quando Bryan é marcado por um vampiro nas docas, é dada a ele uma escolha que mudará seu destino: seguir em um navio sombrio para o continente americano ou permanecer na Morada da Noite de Londres.



Esse é o primeiro spin-off de The House of Night que vai sair no Brasil. Conta a história de Dragon, professor de esgrima da escola para vampiros. Como eu simplesmente amo a série HoN, estou louca para ler O Juramento de Dragon!

As Nove Vidas de Chloe King: Banidos



Chloe King parece uma adolescente normal. Vai à escola, discute com mãe e se apaixona. Mas perto de seu aniversário de 16 anos, ela desconfia que pode não ser assim tão comum. A visão noturna, os reflexos super-rápidos e as garras são algumas das pistas... Ao descobrir o que é — e de onde vem — ela logo percebe que não está sozinha. Alguém quer pegá-la. A qualquer custo. Ela tem nove vidas. Mas serão o bastante?








Eu me lembro de ter ficado louca pela série quando ela saiu, mas nem cheguei a assistir por que ela foi cancelada. Eu gosto da sinopse e achei essa capa muito bonita! Espero que o livro seja bom =D

Bom gente, é isso nesse domingo!

Minha casa está em reforma (minha mãe ficou doida e decidiu montar um quarto pra ela nos fundos, não quer mais dormir perto da sala) e eu ajudei demais a tirar coisas velhas do porão. Minha mãe tava doida querendo jogar uns livros antigos fora. Como não tinha espaço em outro lugar para colocar, doamos tudo para a biblioteca. Melhor do que jogar tudo fora, convenhamos.
Carreguei caixas, varri, passei pano, varri mais, levantei coisas, tirei teias de aranha. Isso por que a obra nem começou!
Alguém me socorra, por favor!!

Beijos,
N!